Rouquidão e Afonia – cuidados a ter
A rouquidão implica uma alteração da tonalidade da voz ou disfonia. Pode ser aguda ou crónica, dependendo da sua duração. Mas o tratamento é muito semelhante: descanso, tempo e paciência. Em geral, a rouquidão, quando não associada a outros sintomas, desaparece ao fim de alguns dias. Há, contudo, cuidados que proporcionam alívio:

 

-Evite usar a voz, o repouso vocal é fundamental na recuperação

-Não murmure: exige maior esforço das cordas vocais

-Humidifique o ar que respira

-Não fume e evite a exposição ao fumo passivo

-Evite alimentos picantes

-Ingira muitos líquidos, preferencialmente água.

Em geral, o autocuidado é suficiente para atenuar a rouquidão. Mas há casos particulares que impõem o recurso a uma consulta médica. Quando a rouquidão:

-se prolonga por mais de uma semana numa criança ou três semanas num adulto;

-é acompanhada de dificuldade em respirar;

-ocorre num bebé com menos de três meses;

-é acompanhada de tosse com sangue.

A voz é o instrumento mais valioso que temos, não desvalorize: aos primeiros sintomas, dirija-se à sua farmácia e solicite aconselhamento. O farmacêutico é um profissional de saúde habilitado para lhe indicar a terapêutica mais adequada e os cuidados a ter, reencaminhando-o para o médico sempre que necessário.