Olho – Um órgão sensível
Os olhos são órgãos sensíveis, vulneráveis a lesões, agressões ambientais e agentes infeciosos. São também órgãos complexos: as suas estruturas internas são responsáveis pela visão, enquanto as externas possuem uma função protetora. Juntas, pálpebras, pestanas e lágrimas erguem uma barreira contra agressões, poeiras, fumos, vírus e bactérias.

Estando a visão em causa, é essencial proteger os olhos das diversas agressões – mantendo uma higiene adequada, prevenindo o trauma e evitando situações que os possam lesionar, como o excesso de radiação solar. Daí que o uso de óculos de sol com proteção ultravioleta seja fundamental, mesmo no inverno, tanto para adultos como para crianças.

Das diversas ameaças à saúde dos olhos podem resultar sintomas que, apesar de ligeiros e considerados menores, requerem cuidados. Os mais comuns são:

  • “Olho vermelho” – pode ser sinal de conjuntivite: inflamação da conjuntiva – membrana que cobre a parte branca do olho – que pode ser infeciosa (causada por uma bactéria ou um vírus), alérgica ou tóxica (causada por uma substância irritante). Vermelhidão, dor, inchaço, lacrimejar, comichão e sensação de areia no olho, a par da produção de muco, são os principais sintomas. O olho vermelho pode ainda resultar de uma rutura dos pequenos vasos sanguíneos, mas em geral não é grave.
  • “Olho seco” – deve-se a uma diminuição na produção de lágrimas ou a um desequilíbrio nas substâncias que compõem a camada lubrificante do olho, causando sintomas como sensação de areia no olho, comichão ou ardor, vermelhidão, fadiga ocular, sensibilidade à luz e por vezes visão nublada.
  • “Olho que chora” – pode dever-se a uma produção aumentada de lágrimas ou a uma drenagem insuficiente, resultado de uma obstrução total ou parcial do canal nasolacrimal.
  • Blefarite – trata-se de uma inflamação das pálpebras, que ficam vermelhas, inchadas, com comichão, ardor e por vezes descamação.
  • Terçol, terçolho ou mais corretamente hordéolo – infeção bacteriana em que a pálpebra fica inchada e desenvolve um nódulo mole e avermelhado que causa dor e inchaço. Pode aparecer tanto na pálpebra superior como na inferior, geralmente junto ao bordo.

Nestas situações, deve adotar alguns cuidados diários que permitam aliviar o desconforto e  melhorara sintomalogia. Para saber mais, consulte o conteúdo “Cuidar dos olhos”.