Hidratar para resplandecer
Exposta a agressões ao longo de todo o ano, no verão a pele exige cuidados de hidratação reforçados.

Delicada e desejosa de atenção constante, a pele é especialmente vulnerável às variações extremas de temperatura e, como não poderia deixar de ser, a época estival não é exceção. Mesmo que o corpo goste de calor, o tempo seco e os termómetros a subir são sinal de que no verão não se podem descurar os cuidados com a pele. A palavra de ordem a ter em conta é simples, porém essencial: água. É determinante combater a desidratação dos tecidos, provocada pela perda de água. Assim, não é de admirar que a primeira regra a seguir “religiosamente” seja a de ingerir diariamente pelo menos um litro e meio deste líquido vital – uma quantidade que deve aumentar sempre que estiver mais tempo exposto ao sol e a altas temperaturas e ainda em função da atividade física despendida.

 

Pele cuidada, pele hidratada

Para evitar que a pele desidrate:

– Tome duches com duração máxima de 15 minutos, com água tépida e apenas uma vez por dia;

– Use sabonetes suaves ou emulsões de limpeza;

– Depois do duche, seque-se com suavidade, sem esfregar a pele;

– Aplique creme ou loção hidratantes logo após o duche;

Proteja os lábios com batom hidratante;

– Aplique creme hidratante para as mãos, sobretudo depois de as lavar e use luvas adequadas às tarefas domésticas;

– Hidrate os pés com um creme apropriado;

– Utilize protetor solar, adequado ao seu fototipo, sempre que se exponha ao sol;

Beba líquidos em abundância, dando preferência à água.