Diga adeus ao ressonar
Quem ressona tem normalmente um sono mais superficial e menos repousante, com impacto a nível físico, psicológico e até social, podendo causar:
  • Rigidez e tensão muscular;
  • Boca seca e dor de garganta ao acordar;
  • Menor capacidade de concentração, atenção e memória;
  • Fadiga, irritabilidade e alterações de humor;
  • Dificuldade em adormecer por receio de ressonar;
  • Inibição em dormir acompanhado/a;
  • Desconforto nas relações conjugais e familiares.

 

Prevenir é possível

A boa notícia é que é possível prevenir o ressonar e recuperar a tranquilidade das noites:

  • Durma de lado ou eleve a cabeceira da cama;
  • Evite refeições pesadas à noite;
  • Limite o consumo de bebidas alcoólicas – tente não beber quatro horas antes de se

deitar;

  • Deixe de fumar;
  • Pratique atividade física com regularidade, para tonificar os músculos – mas não ao final do dia, para não dificultar o sono;
  • Trate de forma adequada a congestão nasal – aconselhe-se com o seu farmacêutico;
  • Controle o peso.

 

Na farmácia pode encontrar aconselhamento sobre o ressonar e informação sobre as medidas preventivas mais adequadas, incluindo alguns produtos de saúde que ajudam a prevenir e a tratar algumas das causas do ressonar.