22 Dermatite Seborreica: Cuidados a Ter
Com a atenção devida e os cuidados certos, o bem-estar e a beleza capilar estão à distância de um gesto.

Um cabelo bonito, saudável e bem tratado tem impacto na imagem e eleva a autoestima individual. Existem cuidados básicos que pode adotar para manter a boa aparência dos seus cabelos, podendo sempre recorrer ao aconselhamento do seu dermatologista ou farmacêutico quando a saúde dos seus cabelos e couro cabeludo é posta em causa.

Tomemos como exemplo a dermatite seborreica. Crónica e não contagiosa caracteriza-se por episódios de recorrência. Esta condição, apesar de se poder manifestar em toda a pele, afeta principalmente as zonas onde as glândulas sebáceas existem em maior quantidade e estão mais ativas, como é o caso do couro cabeludo. Pode apresentar-se sob a forma de caspa seca ou caspa oleosa (forma mais grave de dermatite seborreica do couro cabeludo com inflamação e prurido associados).

No tratamento da dermatite seborreica, é fundamental uma higiene criteriosa, a qual deve acompanhar o doente ao longo da toda a vida, visto que ajuda a controlar o excesso de oleosidade. Para que o tratamento seja eficaz, os cuidados a ter passam por:

❶ Primeira Lavagem

A fim de obter os melhores resultados, o ideal é começar por lavar o couro cabeludo com um champô de frequência para ativar a circulação sanguínea e para remover o excesso de sebo e as escamas produzidas.

❷ Champô de Tratamento

Os champôs permitem uma deposição das partículas ativas destes produtos sobre todo o couro cabeludo, ajudando na remoção total das escamas e do excesso de sebo produzido pelas glândulas sebáceas. Ao efetuar o tratamento tenha atenção:

  • Aplique o champô de tratamento separando mechas de cabelo, para que o produto entre em contato direto com todo o couro cabeludo.
  • Evite o uso de champôs cosméticos durante o tratamento, pois tal poderá levar à redução da eficácia do tratamento.
  • Evite o uso de amaciadores e de outros champôs cosméticos após a aplicação do champô de tratamento, uma vez que estes podem eliminar as suas partículas ativas.

 

❸ Manutenção

Após o período de tratamento recomendado, durante a fase de manutenção, deve ser mantida a prática da utilização de um champô medicamentoso, que deve ser alternado com a utilização de champôs cosméticos de frequência. Estes, devido à sua composição, mantêm as características fisiológicas do cabelo e do couro cabeludo, protegendo e hidratando os fios de cabelo.