Cuide da sua pele como ela merece
A hidratação da pele deve ser uma preocupação constante, durante todo o ano. Com o frio a pele ressente-se e são precisos cuidados redobrados para impedir que resseque. As baixas temperaturas agridem a pele, mas a principal ameaça é aquilo que fazemos para manter o corpo quente. Ao subirmos a temperatura dos espaços interiores, com recurso ao ar condicionado ou outro tipo de aquecimento, a humidade do ar diminui, deixando a pele mais seca.

O mesmo acontece com a exposição a água muito quente, sobretudo em banhos prolongados e frequentes, que desgastam a camada de gordura da pele. Há ainda que ter atenção ao uso de sabonetes, champôs, detergentes e outros produtos de higiene pessoal e doméstica que colocam em risco as defesas naturais da pele.

No entanto, a desidratação da pele não é só causada pelo frio. O calor surte um efeito em tudo semelhante.

A secura da pele pode ainda ser agravada por doenças de foro dermatológico, como a psoríase ou ser consequência de outras, como alterações ao nível da tiroide, diarreia, vómitos e febre elevada.

O consumo excessivo de álcool, cafeína ou tabaco podem ser igualmente prejudiciais. A hidratação deve ser uma preocupação para todos, mas as mulheres têm mais suscetibilidade à secura da pele, assim como os mais idosos: à medida que a idade avança, as glândulas sebáceas perdem atividade.

Para ficar a conhecer os cuidados diários que deve ter para evitar a desidratação da pele, consulte o conteúdo “À mão de hidratar”.